A Importância da Manutenção Preventiva da fossa séptica

Tempo de leitura: 6 minutos

A Importância da Manutenção Preventiva da fossa séptica

Um uso muito comum em regiões afastadas das grandes cidades e considerada benéfica ao meio ambiente, as Fossas Sépticas foram o único tipo de rede de esgoto no país durante muitas décadas, e hoje se restringe a áreas rurais.

A Importância da Manutenção Preventiva da fossa séptica

As Fossas Sépticas é uma ótima alternativa, pois além de receber o esgoto e ter um sistema muito simples e eficiente, ainda é de fácil manutenção e acessível a toda população. 

Se sabe que hoje, metade da população brasileira não possui rede de esgoto, por isso o uso de Fossa Séptica é fundamental para evitar doenças e proliferação de odor e contaminações ao meio ambiente.

Mas a Fossa Séptica necessita de manutenção preventiva cuidadosa e regular para que esses problemas sejam evitados. Neste artigo, falaremos um pouco de como a Fossa funciona e a importância da Manutenção Preventiva da Fossa Séptica.

Fossa Séptica, o que é

A Fossa Séptica é um tratamento de esgoto de forma primária, ou seja, não possui a complexidade da rede de esgoto das grandes cidades. A rede de esgoto no mundo todo é ainda muito precária. Números apontam que de cada 10 pessoas, apenas 4 delas possuem saneamento básico. No Brasil, metade da população não possui rede de esgoto e muitos vivem em regiões onde o esgoto fica a céu aberto, sem uso de fossa.

Fossa Séptica, o que é

A Fossa Séptica nada mais é que um tanque ou caixa de armazenamento de dejetos líquidos e sólidos que são eliminados dos banheiros e cozinha, além de ralos e pias. 

Enquanto no esgoto das cidades os dejetos são levados para rede pública e tratados em locais específicos, nas fossas os detritos passam por um processo de decantação, com bactérias agindo sob os sedimentos e havendo a liberação de gases e líquidos, ficando apenas um lodo residual.

 O tratamento dessa forma é uma das alternativas mais benéficas ao meio ambiente, principalmente nas zonas rurais, onde a rede de esgoto pública é praticamente inexistente. 

Como funciona a Fossa Séptica

A Fossa Séptica é uma caixa de armazenamento que deve ter tamanho suficiente para cada residência, se baseando em um cálculo feito no consumo médio por pessoa. (Em média, uma pessoa consome 200 litros de água por dia, portanto o recomendável é que a fossa tenha no mínimo 1.000 litros de capacidade).

A caixa pode ser feita tanto de concreto como de polietileno, o mesmo material de caixas d´água comuns, e haver uma ligação com a casa, com um encanamento próprio para esgoto e que não exceda a distância de 4 metros.

Assim que é feita a instalação e começa ser usada, a fossa séptica funciona através da gravidade, ou seja, cada dejeto lançado nela tem os detritos sólidos depositados embaixo, enquanto os líquidos ficam por cima e logo é descartado através de um sumidouro, encanamento que dá a saída desse líquido da caixa, restando apenas o composto sólido.

A partir daí, bactérias anaeróbicas, ou seja, que vivem sem oxigênio, começam a fazer a decomposição e causando a sedimentação desses dejetos, ocasionando também a liberação de gases e diminuindo o volume desses sedimentos consideravelmente.

Quando está cheia, as Fossas podem e devem ser limpas, retirando todo lodo sedimentado e iniciando novamente um novo processo de uso. Considerada pela ONU como uma alternativa muito benéfica ao meio ambiente, as fossas não causam contaminação do solo e nem da água e ainda evita o aparecimento de doenças e verminoses.

Manutenção Preventiva da Fossa Séptica

Para ser eficaz, as Fossas Sépticas precisam seguir algumas regras de limpeza e manutenção:

A estrutura de uma fossa séptica, quando feita de concreto, deve ser sem fissuras ou trincas e o encanamento bem vedado para não haver a entrada de ar e nem luz. As bactérias anaeróbias agem no escuro e na ausência de oxigênio, por isso é importante seguir essa regra para que a fossa possa ser eficiente.

Manutenção Preventiva da Fossa Séptica

A Fossa Séptica tem um limite e quando ela começa a chegar a essa capacidade é hora de fazer a limpeza e a manutenção preventiva da fossa para evitar problemas futuros. A manutenção da fossa requer atenção redobrada quando é de concreto, pois qualquer trinca ou quebra na estrutura deve ser consertada. 

É importante que a caixa seja totalmente rebocada e possuir uma tampa de fácil ajuste e retirada. O sumidouro também deve ser colocado em um local que os líquidos escoem facilmente e que não haja qualquer tipo de contaminação ou entrada de ar ou luz.

A limpeza da fossa deve ser feita sempre por uma desentupidora especializada, pois seus equipamentos e profissionais, sabem como retirar os sedimentos, limpar e deixar a fossa em condições de uso e o mais importante, eles tem o lugar certo para descartar esses detritos sem trazer problemas para o meio ambiente e saúde humana.

Esgotamento de Fossa

Esgotamento de Fossa

Sabe o que é Esgotamento de Fossa? No campo e regiões onde o saneamento básico ainda não chegou, o uso …
Leia Mais
Limpeza Fossa Séptica

Limpeza de Fossa Séptica

Confira como funciona e a manutenção de uma Fossa Séptica Uma forma alternativa a rede de esgoto comum, a Fossa …
Leia Mais
DICASSIMPLESPARAEVITARENTUPIMENTODEESGOTO

7 Dicas Simples Para Evitar Entupimento de Esgoto em Casa

7 DICAS SIMPLES PARA EVITAR ENTUPIMENTO DE ESGOTO Odor fétido, descarga que não desce e ralos que voltam a água …
Leia Mais

O Esgotamento de Fossa é feita com uma bomba de sucção a vácuo que suga o sedimento armazenado e limpa a fossa completamente. Para fazer a limpeza e manutenção da fossa, nenhum dejeto deve estar sendo lançado nela durante o processo.

As desentupidoras não recomendam que pessoas sem treinamento ou conhecimento necessário limpem a fossa séptica, pois existem alguns cuidados que muitos desconhecem e que podem, inclusive, colocar a vida em risco.

Por exemplo, ao retirar a tampa da fossa, é preciso deixar que os gases sejam eliminados, pois eles se tornam inflamáveis depois de um tempo retidos e podem causar acidentes.

Outro ponto que muitos desconhecem é que 10% dos sedimentos devem continuar na fossa, ou seja, ela não pode ser limpa completamente, pois é a partir desse sedimento que as bactérias irão recomeçar a decomposição dos novos dejetos lançados ali. O esgotamento de fossa é feito a cada 3 anos, em média, no caso de residências pequenas, mas depende do tamanho da caixa e da quantidade de moradores.

Uma manutenção eficaz garante que a Fossa Séptica esteja sempre limpa e com seu uso eficiente, não trazendo qualquer tipo de comprometimento aos usuários. Para que ela esteja sempre dentro dos parâmetros de uso, é vital que uma desentupidora no bairro faça a manutenção preventiva em períodos, observando a necessidade de limpeza e garantindo que a fossa continue eficaz.

Acesse agora a Desentupidora no Bairro e se informe sobre uma desentupidora perto de você que faça a Manutenção Preventiva e regular de fossa séptica, e garanta a saúde de sua família. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *